Buscar
PORTAL
DA SAÚDE
PORTAL
24 HORAS
Iptu Issqn Refis
Refis Refis
Agência de Notícias

11/10/2017 08:16
Encontro acontece nesta sexta (13) e reúne profissionais de excelência com estudantes em um recital que une música erudita e popular



Comente!

Quando a experiência de músicos se soma ao entusiasmo e dedicação de aprendizes, o resultado é o Concerto didático “Experimentando a canção”, que será apresentado nesta sexta-feira, às 19 horas, na Fundação Cultural. A atração integra o programa cultural “Cê na Sexta” e oferece à comunidade um recital que traz o resultado de um curso preparatório de canto desenvolvido pela Pró-reitoria de extensão da Unila.

Esta será a segunda ação artística do “Cê na Sexta”, uma parceria envolvendo a Unila e Fundação Cultural e que trará toda sexta-feira uma atividade cultural nas áreas de teatro, dança, música e cinema. Na semana passada, a peça teatral “Ópera do Malandro” inaugurou o projeto e foi um sucesso de público.  Cada linguagem artística é coordenada por integrantes do projeto de extensão da Unila. A programação na área musical está sendo formulada pelo regente Gustavo Pinto, do Coral Todocanto.  

Sobre o recital

O recital é gratuito ao público e será apresentado por Analía Chernavsky e Jeanne Rocha, duas profissionais que ministram aulas de música no curso Preparatório de Canto, projeto de Extensão iniciado na UNILA em março de 2017. O curso atende atualmente 24 alunos, que assistem a aulas de teoria musical e canto, além de ofertar aulas e recitais para a comunidade em geral.

Além das professoras Analía e Jeanne, a equipe conta com Adrielly Oissa, Carol Ramalho e Thaís Montenegro, alunas avançadas do Curso de Música da UNILA e cantoras profissionais.

Para este recital, Analía Chernavsky e Jeanne Rocha prepararam repertórios diferenciados, que exploram técnicas e temáticas da música erudita de câmara e da música popular, acompanhados por explicações sucintas a seu respeito. Alexandre Lopes, Bia Cyrino e Gabriel Rezende acompanham Analía, e Viviane Matschulat e Álvaro Quisbert acompanham Jeanne.

Músicos

ANALÍA CHERNAVSKY, cantora, graduou-se em Música e em História na Universidade Estadual de Campinas, onde também defendeu sua dissertação de mestrado e sua tese de doutorado. Ambos estudos estão dedicados à história da música. A persistência nas duas áreas não é mera coincidência na sua carreira. Os projetos musicais que desenvolve há mais de 15 anos, sempre buscam entrelaçar a história e o canto. Apresentou-se em diversos espaços culturais e musicais de Campinas e região e participou de duas edições da Virada Cultural Paulista, na Pinacoteca do Estado de São Paulo. Nos últimos anos realizou concertos no SESC Foz do Iguaçu e SESC Medianeira. Desde 2012 é professora de canto e de história da música na UNILA, onde coordena o “Curso Preparatório de Canto”.

JEANNE ROCHA, natural de Minas Gerais, é Licenciada em Música/Canto e Mestre em Artes/Música pela Universidade Federal de Uberlândia. Atua há vinte anos como cantora e professora de Canto, Dicção, Fisiologia Vocal, Canto Coral e Pedagogia Vocal. Dedica-se ao ensino, pesquisa e extensão com ênfase na canção latino-americana, pronúncia do português brasileiro e do espanhol cantados. Atualmente, é professora substituta de Canto na UNILA.

ALEXANDRE LOPES, violonista, é natural de Brasília-DF. Possui graduação em Música pela Universidade de Brasília e mestrado em Música pela Marshall University (EUA). Participou de masterclasses com diversos violonistas, entre eles Sérgio e Odair Assad, Fabio Zanon e Eduardo Isaac. Atua como professor de violão na UNILA desde 2012.

ALVARO GUILLERMO DELGADO QUISBERT, nacido en La Paz, Bolivia, realizó sus es-tudios en la práctica interpretativa del charango en la Escuela Nacional de Folklore “Mauro Núñez Cáceres” en la misma ciudad, terminando su formación en el año 2012 (sus maestros: Bruno Campos y Erik Campos, ambos destacados concertistas de este instrumento). Participó en concursos de interpretación en varias ocasiones a nivel local (La Paz y región) e nacional habiendo obtenido los primeros lugares en dichos concursos entre los años 2012 y 2013, también participó en festivales y recitales en Bolivia. Participó recientemente en el proyecto de extensión Ciclo Sonoro con el primer recital de charango solo (Junio, 2017). Hoy, estudiante de segundo año de la Universidad Federal de Integración de Latino Americana (UNILA) en el curso de música con énfasis en creación musical.

BIA CYRINO, natural de Campinas – SP, é doutora em Música pela Universidade Estadual de Campinas e atua como pianista e pesquisadora. Possui bacharelado em música erudita e música popular e atua como instrumentista nestes dois universos. Teve aulas com Rafael dos Santos e Maria José Carrasqueira, participou de diversos masterclasses (Geoffrey Handon, Benjamin Taubkin, Fábio Luz, etc.), e se apresentou em cidades do estado de São Paulo com duo de clarinete e piano e solo, com destaque para a apresentação no MUBE. Como pesquisadora desenvolve trabalhos sobre música popular brasileira, tendo participado e publicado em inúmeros congressos dentro e fora do país. Atua ainda como compositora de trilhas sonoras para teatro e atualmente é docente na área de práticas interpretativas na Universidade Federal da Integração latino-americana.

GABRIEL REZENDE, contrabaixista, graduou-se em Música na Universidade Estadual de Campinas. Na mesma universidade defendeu seu Mestrado e seu Doutorado. Atualmente é professor do curso de música da UNILA. Nos últimos anos, se arrisca no clarinete.

VIVIANA MATSCHULAT Natural de Assunção (Paraguai) é Doutora em Música, na área de Práticas Interpretativas, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Como solista, apresentou-se em várias salas em Assunção e no Brasil, também com orquestras em Assunção e Villa-Rica no Paraguai. Como pianista acompanhadora tem acompanhado vários músicos e grupos corais ao longo da carreira. Como pesquisadora tem publicado artigos acadêmicos sobre performance pianística e aprendizagem de peças musicais. Dedica-se ao ensino de piano há mais de 15 anos. Atualmente é professora na Escola Superior de Belas Artes da Universidad Del Este, no Paraguai.

Serviço:

O quê: Concerto didático "Experimentando a canção"
Quando: 13, sexta-feira, às 19 horas
Local: Fundação Cultural
Organizadores: Unila e Fundação Cultural
Contato: Diretor Presidente da Fundação Cultural, Juca Rodrigues: 45-999642194 e Gustavo Pinto 45- 999257884
Comentário